Pirenópolis na mídia como refúgio para 21 de dezembro

Alguns sites noticiam sobre pessoas que abandonaram a “cidade grande” e escolheram algumas cidades do interior como refúgio para 21 de dezembro; uma dessas cidades é Pirenópolis, em Goiás.
Ficamos felizes com isso pois Anjo de Luz está exatamente em Pirenópolis! Nós vivemos aqui e escolhemos estar aqui desde 1993, quando saímos de Niterói, buscando uma melhor qualidade de vida, muita natureza e paz! Nunca nos arrependemos da escolha e eu (Fada San) ainda digo que quem nos trouxe para cá foi a Nossa Mãe Maria.
A matéria a seguir, publicada no site Terra, fala de um “guru” que veio para cá com seus discípulos. Não o conhecemos.

 

A seguir, a matéria:

É na pacata cidade interiorana de Pirenópolis (GO), a 142 km de Brasília e 128 km de Goiânia, que o professor Masuteru Hirota e parte de seus seguidores pretendem se salvar do “fim do mundo”. Desde julho, ele vive em uma casa alugada numa região periférica da cidade, onde estoca alimentos para dois anos e explica: “Uma onda de 1,5 mil m vai destruir quase toda a Terra. No Brasil, só a região central (Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Pará) vai escapar”.

Hirota não parece estar preocupado com um colapso que deverá cobrir quase todo o globo terrestre com água na semana que vem. Ele assistia a um filme de samurai em japonês em um aparelho de blu-ray deitado no sofá, quando parou para conversar com a reportagem do Terra. Na sala de estar, visitantes, sobretudo vindos de Alto Paraíso, se preparavam para o Bon Odori, um festival de tradição budista com origens na China.

“Há mais de 1 milhão de anos, Atlantis afundou. Há 500 mil anos o mundo acabou de novo. O fim do mundo na verdade é uma vassoura para limpar o mal do planeta”, diz o guru, entre uma e outra tragada de cigarro. Ele diz que recebe revelações de uma “Energia de Luz”, com quem se comunica e se compara aos profetas maias e Nostradamus. “Como eu, não existe ninguém no mundo”, afirma.

Segundo as “revelações” de Hirota, a região central do Brasil, parte do centro da África, parte do Japão e da Austrália resistirão à inundação. O guru diz que o estoque de alimentos será necessário por um período de grande escassez. “Quem não se preparar”, acrescenta, “terá de se alimentar de outros humanos e, assim, deixará se ser humano. Vai se tornar demônio”.

As palavras de Hirota já foram ouvidas por milhares de pessoas. Há mais de 30 anos ele atua na suposta cura de doenças e aproveita o contato com as pessoas sensibilizadas para proferir palestras. Foi assim que o paulistano Luiz Nakagawa, 66 anos, conheceu o guru. “Eu fui curado de um problema no joelho e na coluna. Estava todo travado”, conta. Luiz se mudou de São Paulo e, por recomendação de Hirota, vive hoje em Alto Paraíso (GO).

Nobol Yamada também se diz curado pelo guru antes de se tornar seguidor. Ele lamenta que a faixa etária dos seguidores seja mais avançada. “Os jovens têm outro pensamento, então é difícil que eles entendam”, diz. A paulista Nadir Lima vive com seus dois filhos na mesma casa de Hirota. É seu marido, que mora em Atibaia, o provedor da casa. Ela conta que as visitas em busca de cura ou palestra são bem menos frequentes na cidade goiana. “Em Pirenópolis, eles não conhecem muito. São muito católicos e não querem saber dos ensinamentos do professor”.

Ao contrário da também goiana Alto Paraíso, Pirenópolis não é uma cidade envolvida pelo misticismo, apesar de ser recorrente a visita de anunciadores do apocalipse, segundo relatos da população local.

“Desde que era menino, fico vendo isso que o mundo vai acabar. Há dois anos teve uns aqui dizendo isso, mas a cidade continua tranquila”, conta Pompeu de Pina, morador conhecido da cidade, com 78 anos. “Loucos têm muitos. Um ou outro fica vendo assombração, mas eu não acredito nisso, não”, acrescenta, aos risos, o morador que se denomina católico.

http://noticias.terra.com.br/ciencia/fim-do-mundo/noticias/0,,OI6386211-EI21082,00-A+dias+do+fim+do+mundo+grupo+foge+para+cidade+goiana.html

 

http://www.istoe.com.br/reportagens/184613_FIM+DO+MUNDO+EM+2012

“Fim do mundo”: guru fala em Atlantis, tsunami e “energia de luz”

DIOGO ALCÂNTARA
Direto de Pirenópolis

Com exatos 70 anos, o japonês Masuteru Hirota faz “revelações” e “alertas” sobre o “fim do mundo” por meio de palestras e de uma página na internet. Desde os seis anos, ele acredita ter o dom de se comunicar com uma força sobrenatural que ele denomina “Energia de Luz” e fazer a intermediação com essa manifestação, levando a cura de pessoas – e tem muita gente que acredita em Hirota. No Brasil desde os 20 anos de idade, Hirota ficou conhecido em Atibaia (SP) pelo suposto dom da cura.

O guru, que prefere não atribuir a si próprio nenhum título, vive desde julho na cidade goiana de Pirenópolis, região que acredita que resistirá a uma grande inundação que devastará quase todo o planeta. Em entrevista ao Terra, ele explicou as “revelações” que diz receber. Abaixo, os principais momentos da entrevista:

Terra – De que maneira o mundo vai acabar?
Masuteru Hirota – Uma onda de 1,5 mil m vai destruir quase toda a Terra. No Brasil, só a região central vai escapar. A região onde fica Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Pará.

Terra – E no resto do planeta?
Hirota – O centro da África, parte da Austrália e parte do Japão.

Terra – Mas há lugares mais de relevo mais elevado, como o Himalaia ou os Andes, por exemplo…
Hirota – Tudo vai afundar e acabar. O mundo já acabou antes. Há mais de 1 milhão de anos, Atlantis afundou. Cerca de 500 mil anos atrás, acabou de novo.

Terra – Por que o mundo vai acabar?
Hirota – O egoísmo humano não tem fim. O pensamento negativo e sujo que atrai o fim do mundo. Já chegou a vassoura para limpar o mal. O propósito do fim do mundo é a limpeza.

Terra – Mas algumas pessoas vão sobreviver, já que nem tudo será devastado?
Hirota – Ainda que sobrem humanos, não haverá comida e haverá matança de humanos para alimentação. O ser humano vai virar – na verdade já virou – demônio.

Terra – Por isso o senhor recomenda em suas palestras que as pessoas estoquem comida por dois anos?
Hirota – Sim, até que a agricultura seja restabelecida.

Terra – Alguém mais no mundo recebeu as revelações que o senhor recebeu?
Hirota – Como eu, não existe ninguém no mundo. Eu não tenho egoísmo comigo. Os profetas maias e Nostradamus não tinham nada de egoísmo.

Terra – E como o senhor se comunica com essa energia de luz?
Hirota – O profeta não pensa: “eu quero saber o futuro”. Todos os profetas são assim, sem querer nem saber, as revelações chegam à cabeça.

Terra – Muitas pessoas são céticas a seus ensinamentos e suas palavras são motivo de zombaria… Hirota – São seres não evoluídos, por isso não entendem. Há 108 dimensões, o ser humano ainda está na terceira, abaixo dele só os animais.

Terra – O senhor não tem medo da morte?
Hirota – Não. O que o humano leva da vida de material? Nada. Uma coisa só dá para levar: sua beleza e a limpeza do seu espírito.

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *